PF prende usuários maliciosos que roubaram R$ 2 milhões pela web

Polícia FederalA Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (02/08) a “Operação Desmantelo” para desarticular uma quadrilha especializada em fraudes bancárias pela internet. O prejuízo causado pela quadrilha ultrapassa a quantia de R$ 2 milhões, segundo a polícia.

Foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão e 8 mandados de prisão preventiva nas cidades de Imperatriz (MA), Goiânia (GO) e Manaus (AM), além de uma prisão em flagrante por posse de arma de fogo e droga. Mais de R$ 36 mil em espécie foram apreendidos, bem como cartões de laranjas, boletos e cinco veículos.

Os integrantes da organização criminosa são investigados pelos crimes de furto qualificado mediante fraude (art. 155, § 4º, II e IV), formação de quadrilha (capitulado no art. 288 do CP), interceptação telemática ilegal (art. 10 da Lei 9296/96) e violação de sigilo bancário (previsto no art. 10 da Lei Complementar 105/2001).
A operação foi iniciada pela madrugada. No momento da prisão, a PF encontrou um dos usuários maliciosos enviando emails falsos para capturar dados de clientes de bancos. De acordo com a polícia, a quadrilha era especializada na prática de fraudes bancárias via internet.