Empresas gastam 127 horas por mês gerenciando soluções de segurança próprias

Uma pesquisa da Webroot com 820 empresas de 100 a 5.000 empregados nos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália revelou que empresas gastam em média 127 horas por mês gerenciando soluções de segurança próprias (não-terceirizadas) e seus problemas relacionados. Entre as atividades que mais tomam tempo estão a atualizando de software e hardware (18,6 horas/mês), reinstalação de máquinas infectadas (17 horas/mês), e aplicação de políticas do uso de Internet e email (mais de 16 horas/mês).

Os dados da pesquisa mostram ainda que essas empresas tem uma probabilidade 43% maior de experienciarem ataques do tipo phishing e tem 33% mais chance de serem atacadas por vírus e worms em comparação com as que usam segurança nas nuvens (cloud security). Veja mais detalhes sobre o estudo em Organizations spend 127 hours per month managing on-site security solutions.