No próximo domingo (21) começa o horário de verão – Entenda a relação com a Segurança da Informação

O horário de verão começa no próximo domingo (21) às 0hrs e termina dia 17 de fevereiro. Moradores da região Sul, Sudeste, Centro-Oeste e agora  o estado de Tocantis, terão que adiantar seus relógios em 1 hora. De acordo com o decreto publicado no Diário Oficial a Bahia foi excluída a pedido do estado, já o Tocantis foi incluído alegando que seria melhor a adequação ao horário de funcionamento dos bancos e às tabelas de horários dos voos nos aeroportos. Mais informações sobre essas modificações de Estados no link.

Segundo o Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (CAIS), da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), “a exatidão dos relógios dos sistemas é de vital importância para a segurança, principalmente para o tratamento de incidentes de segurança. Relógios exatos, devidamente sincronizados com servidores NTP confiáveis, permitem manter a consistência dos logs, o que é imprescindível nas investigações e identificação de responsáveis“.

Os servidores NTP, citados acima, são máquinas dedicadas a servir o horário correto utilizando o protocolo NTP (Network Time Protocol), que é o mais recomendado por ter implementação para os mais variados sistemas. Esses servidores podem ser implementados localmente (uma máquina dedicada em sua rede interna) ou serem utilizados pela internet. No Brasil, temos o NTP.br, serviço oficial oferecido pela RNP (Rede Nacional de Pesquisa, órgão responsável por gerir a Internet no país), que distribui a “Hora Legal Brasileira“, definida pelo Observatório Nacional.

Segue lista de Estados que terão que adiantar seus relógios: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e  Distrito Federal.

Para mais informações sobre o serviço nacional, visite o domínio NTP.br. O portal fornece todas as informações necessárias para implementação, ajustes e utilização do NTP no Brasil.