Certificação em segurança da informação para desenvolvimento móvel

comptialogoCom o crescimento de aplicações móveis nos últimos anos, muitos desenvolvedores procuram se especializar na área. Contudo, existe também a desconfiança no conhecimento para garantir que seus aplicativos foram programados levando em consideração requisitos básicos de segurança – dúvida também encontrada em outras áreas da computação.

Com o objetivo de certificar que um profissional detenha esse conhecimento em segurança, a CompTIA criou um certificado especialmente para a área chamado Mobile App Development Security+, em versões separadas para Android e iOS. A novidade é que as provas já podem ser feitas no Brasil e em breve terão seu primeiro curso preparatório, oferecido pela empresa Clavis, através de uma plataforma de ensino à distância.

As provas são presenciais, com 100 questões de pesos distintos e duração de 90 minutos, elaboradas pela própria CompTIA e feitas no mundo todo pela Pearson. Disponíveis em Inglês, e possivelmente traduzidas para o Português no futuro. O agendamento pode ser feito a qualquer momento e o investimento é de US$ 294 por prova. “O profissional com certificados da CompTIA costuma ter salários 20% a 30% acima da média. Ele comete menos erros na programação e, por isso, é mais rentável para seu contratante”, explica Marco Carvalho, representante da CompTIA no Brasil.

“O nível de segurança dos aplicativos móveis criados no Brasil é bem baixo. É comum, por exemplo, o armazenamento de dados sensíveis no aparelho, o que não é recomendado, porque podem ser extraídos”, comenta Wagner Elias, CEO da Conviso e um dos instrutores do curso preparatório a ser oferecido pela Clavis. A necessidade de segurança não se resume a apps corporativos, mas também a games, pois muitos lidam com informações pessoais valiosas, eventualmente até dados de cartões de crédito, lembra Luis Carlos Silveira, desenvolvedor móvel da Clavis.

A CompTIA oferece 17 certificações diferentes em TI. A mais famosa é a A+, com mais de 1 milhão de certificados distribuídos no mundo. No ano passado, a associação lançou uma certificação para mobilidade em geral chamado Mobility+ alguns meses antes dessas duas em segurança de desenvolvimento móvel (Android e iOS). É recomendado que o profissional tire primeiro o certificado Mobility+ e depois os de segurança móvel.

Fonte no link.