Esgotado o estoque de IPv.4 no Brasil e na América Latina

internetO LACNIC, a entidade que distribui endereços para América Latina e Caribe, e o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), entidade responsável pelo registro de endereços IP no Brasil, anunciaram que a alocação de endereços IP versão 4 (IPv4) no Brasil, desde o dia 10/06/2014, e na América Latina entraram em racionamento devido ao eminente esgotamento.

De acordo com o anúncio, todas as organizações brasileiras que realizarem solicitações ao NIC.br poderão receber, no máximo, 1024 endereços IP a cada seis meses, mesmo que justifiquem necessidades maiores. Ainda segundo a entidade, esse processo de racionalização trata-se de uma politica proposta e aprovada pela própria comunidade Internet, visando o processo de substituição do IPv4 pela versão 6 do protocolo IP (IPv6), conforme outro comunicado.

O esgotamento dos endereços já era previsto desde a década de 1990, época em que foi anunciado o IPv6, o qual já vem sendo implantado no Brasil e restante do mundo, apresentando uma capacidade de endereçamento 7.9×1028 maior do que seu predecessor. Assim como a Ásia, em Abril de 2011, e a Europa, em Setembro de 2012, e no momento Brasil e América Latina, as próximos regiões a terem seus endereços esgotados serão a América do Norte, cujo esgotamento deve ser anunciado nos próximos meses e a África, com previsão para que isso aconteça por volta de 2020.

Maiores informações através do link.