Diretor de TI condenado a 27 meses de prisão por alterar site de empresa após ser demitido

Darnell Albert-El, 53, foi considerado culpado por intencionalmente causar dano a um sistema protegido de computador sem autorização em 29 de junho. Ele foi sentenciado pela corte de Virginia (Estados Unidos) a 27 meses de prisão e pagar $6.700 dólares de restituição a Trans Marx, seu antigo empregador. Albert-El usou seu computador pessoal e uma conta administrativa para acessar o computador hospedando o site da compania e apagou cerca de 1.000 arquivos relacionados ao website da empresa. Em sua defesa, ele disse que cometeu os atos pois “ficou chateado por ter sido despedido”, e afirma que em um segundo momento disse aonde as fitas de backup estariam localizadas e ofereceu ajuda a eles no sentido de restaurar os arquivos. Veja mais detalhes sobre o caso em IT Director Sentenced for Hacking Former Employer’s Site – CIO.com.

Foto: The History of Tape Storage.