Manual de Tallinn – Regras para ciberguerras

globe-cyberwarComo primeira tentativa em estabelecer regras internacionais básicas para  ciberguerra, foi publicado o Manual de Tallinn sob a  direção da OTAN. Escrito por mais de 40 acadêmicos, advogados, e especialistas dos países da OTAN, o manual  com 282 páginas  define as condições em que um país pode responder a um  ciberataque com forças militares.

Em entrevista para Bloomberg Businessweek, Thomas Wingfield um dos autores do  manual e professor de leis internacionais do  Centro de Estudos de Segurança  George C. Marshall European, respondeu a algumas perguntas sobre ciberataque assim como o caso recente que ocorreu na Coreia, logo após a publicação do  manual. Veja matéria completa no link.

O Manual de Tallinn não é um documento oficial, e sim um documento que possui as opiniões de um grupo de especialistas  independentes.