Autorização de espionagem dos EUA chega ao fim

EUAExpirou nesta segunda-feira (01/06) a autorização do governo dos EUA para coletar dados telefônicos de todos os norte-americanos. O Senado estadunidense ainda não conseguiu decidir se mantém a lei sobre os poderes de vigilância.

Diante desse empasse, encontra-se temporariamente inativo um dos mais controversos programas de espionagem, que teve seu início após o atentado de 11 de setembro de 2001 e revelado pelo ex-funcionário da NSA e exilado na Rússia Edward Snowden.

Em uma sessão não definitiva nesse domingo (31/05), os Senadores decidiram que limitarão o acesso do governo às informações. A decisão final provavelmente ocorrerá a partir dessa terça-feira (02/06). No entanto, o projeto alternativo Freedom Act (Lei da Liberdade), foi aprovado pela Câmara dos Deputados em 13 de maio de 2015, determinando que os dados das chamadas devem ser armazenados apenas pelas empresas telefônicas.

A grande polêmica e o principal motivo de tal indecisão do Senado, é o fato da lei anterior ter total autonomia para obter dados telefônicos sem qualquer aval do poder Judiciário.

Confira a notícia completa no link.