Preocupação com segurança afasta clientes bancários do mobile banking, aponta pesquisa

smartphone_face

Uma parte considerável (36%) dos clientes bancários dos EUA e do Reino Unido ainda está evitando usar os serviços de mobile banking oferecidos pelos seus bancos, e entre eles 76% citaram preocupações com a segurança da informação como o principal motivo para evitar o uso dos sistemas mobile. Os dados são de uma pesquisa da IDC Financial Insights que ouviu pouco mais de 1000 pessoas nos dois países.

Segundo a pesquisa, mesmo entre usuários que utilizam o mobile banking há preocupação com a segurança: 85% de todos os entrevistados afirmaram que aumentariam de alguma forma o uso dos serviços móveis se a segurança fosse maior; 44% disseram que aumentariam consideravelmente o seu uso nesse caso.

A grande maioria (80%) afirmou esperar de seus bancos uma atitude mais proativa no sentido de informar e indicar as medidas de segurança que estão sendo tomadas pelas instituições e como elas afetam o uso de seus aplicativos móveis. Ainda assim, 32% dos ouvidos pela pesquisa disseram não ter intenção de transformar o mobile no seu principal canal de conexão com seu banco.

“Conforme a próxima geração de consumidores começa a explorar as opções digitais dos bancos, instituições financeiras que têm e promovem segurança irão atrair e reter esses consumidores de forma mais eficiente do que as que não fazem o mesmo”, afirmou Marc DeCastro, diretor de pesquisas da IDC Financial Insights.