Assinado acordo entre Febraban e Polícia Federal para combate a fraudes

money-256319_640

Na última segunda-feira, dia 18/09, foi assinado a renovação do acordo de cooperação técnica assinado entre a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e a Polícia Federal, fortalecendo ainda mais o combate às fraudes bancárias eletrônicas. Isso porque, com o novo acordo, a Polícia Federal poderá solicitar, sempre que necessário e de forma periódica, o envio de analistas das instituições financeiras à Brasília para auxiliar no trabalho de inteligência na repressão a esse tipo de crime.

Neste acordo, foram definidos os procedimentos que os bancos devem realizar para interação e comunicação junto à Policia Federal quando houverem suspeitas ou confirmação de ações irregulares, além de definir também a questão do compartilhamento de informações sobre movimentação de recursos financeiros relacionados a crimes contra instituições financeiras. A Polícia Federal vai centralizar todas as informações melhorando o processo investigativo e possibilitando o desenvolvimento de novas técnicas voltadas para a prevenção e repressão a este tipo de crime.

O combate às  fraudes bancárias eletrônicas (cartão de débito, cartão de crédito, internet banking, call center e boletos) e, consequentemente, a segurança na realização das operações financeiras são prioridade para os bancos brasileiros que atualmente destinam cerca de R$ 2 bilhões, o equivalente a 10% dos investimentos anuais em TI, em ferramentas voltadas para a prevenção deste tipo de crime e também para garantir a confidencialidade dos dados dos clientes, bem como a disponibilidade dos serviços nos canais eletrônicos.

Fonte: Jornal Extra