Lançamento do Livro: “The Fifth Domain” traduzido pela Clavis Segurança da Informação – “O Quinto Domínio – Defendendo nosso país, nossas Companhias e nós Mesmos na Era das Ameaças Cibernéticas”

lançamento do livro best seller o quinto domínio clavis

Um urgente e novo alerta de dois especialistas em segurança autores de best sellers – e uma visão interna envolvente de como governos, empresas e cidadãos comuns podem enfrentar e conter os tiranos, usuários maliciosos e criminosos empenhados em transformar o reino digital em uma zona de guerra.

Resumo da Obra:

“Na batalha travada entre o ataque e a defesa no ciberespaço, Clarke e Knake têm algumas ideias importantes sobre como podemos evitar a guerra cibernética para nosso país (EUA), prevenir o crime cibernético contra nossas empresas e, ao fazer isso, reduzir o ressentimento, a divisão e a instabilidade em nosso país e no exterior. “- Bill Clinton.

Há muito a temer nos cantos escuros do ciberespaço. De histórias bem cobertas como o Ataque Stuxnet, que ajudou a desacelerar o programa nuclear do Irã, a contos menos conhecidos como EternalBlue, a batalha cibernética de 2017, que fechou hospitais na Grã-Bretanha e congelou caixas de transporte na Alemanha no ar, entramos em uma era em que ameaças on-line trazem consequências no mundo real. Mas não podemos permitir que autocratas e criminosos fiquem descontrolados no mundo digital. Agora sabemos muito sobre como tornar o ciberespaço muito menos perigoso e sobre como defender nossa segurança, economia, democracia e privacidade contra ataques cibernéticos.

Este é um livro sobre o reino no qual ninguém deveria querer lutar uma guerra: o Quinto Domínio, o termo usado pelo Pentágono para se referir ao ciberespaço. Nossos guias/autores são dois dos maiores especialistas em segurança cibernética da América, profissionais experientes que estão tão familiarizados com a Sala de Situação da Casa Branca quanto com as salas de diretoria da Fortune 500. Richard A. Clarke e Robert K. Knake oferecem um passeio vívido e envolvente pelo terreno frequentemente desconhecido do ciberespaço, apresentando-nos aos cientistas, executivos e funcionários públicos que aprenderam por meio de experiências difíceis como agências governamentais e empresas privadas podem se defender do ciberespaço ameaças.

Clarke e Knake nos levam para dentro de laboratórios de computação quântica que estão na corrida para desenvolver superarmas cibernéticas; colocam o leitor por dentro do que ocorre nas salas de diretoria das muitas empresas que foram hackeadas e das poucas que não foram; e nos conduz pelos corredores da comunidade de inteligência dos EUA com funcionários que trabalham para defender as eleições da América de ações maliciosas estrangeiras. Com foco em soluções em vez de alarmismo, eles apresentam um caso convincente para a “resiliência cibernética” – construindo sistemas que podem resistir à maioria dos ataques, aumentando os custos dos criminosos cibernéticos e dos autocratas que muitas vezes se escondem por trás deles e evitando a armadilha da reação exagerada a ataques digitais.

Acima de tudo, Clarke e Knake nos mostram como manter o Quinto Domínio como um motor vibrante de crescimento econômico e progresso humano, não cedendo àqueles que o transformariam em uma terra devastada de conflito. Com o respaldo de décadas de experiência de alto nível na Casa Branca e no setor privado, The Fifth Domain oferece uma visão interna fascinante e de definição de agenda sobre o que funciona na luta para evitar a guerra cibernética.

Revisões

“Uma exploração séria, mas esperançosa, das defesas contra a corrida armamentista da Internet. . . Clarke e Knake, com base em entrevistas com especialistas, explicam as complexidades da segurança cibernética de uma maneira lúcida e envolvente, evitando o alarmismo que muitas vezes envolve o assunto. O resultado é uma excelente pesquisa que irá interessar aos formuladores de políticas, executivos e leitores comuns. ”- Publishers Weekly

“Clarke e Knake, ambos os quais passaram tempo nos braços de segurança cibernética das administrações presidenciais, têm muito a dizer sobre as maneiras pelas quais governos e empresas têm tentado se proteger das legiões de hackers por aí, desde seus chapéus pretos comuns até agentes da Rússia, China, Irã, Coréia do Norte e outras entidades. . . . Os autores aconselham de forma tranqüilizadora [que] à medida que as empresas finalmente fazem a transição para sistemas mais seguros de transmissão, criptografia e armazenamento de dados, há esperança de que as antigas ameaças um dia serão uma nota de rodapé. . . . De grande interesse para formuladores de políticas e especialistas em segurança, embora também voltado para o público da Wired. ” – Kirkus Reviews

“O ciberespaço é o campo de batalha do futuro. Nossa segurança nacional depende de despertarmos e reconhecermos a natureza dessa ameaça. Em O Quinto Domínio, Richard Clarke e Robert Knake estão emitindo um forte chamado de alerta. Como eles concluem, ‘o que falta é consenso nacional, vontade e definição de prioridades’. Se não tomarmos as medidas necessárias para nos defender, podemos perder não apenas a batalha, mas a guerra ”. – Leon Panetta

“No Quinto Domínio, dois dos maiores especialistas em segurança cibernética da América chegam a uma conclusão surpreendente e encorajadora: está em nosso poder gerenciar ameaças cibernéticas. Clarke e Knake oferecem uma riqueza de ideias práticas e viáveis ​​de como o governo dos EUA, empresas americanas e cidadãos privados podem deter e impedir ataques. ” — Susan Rice

Sobre o autor Richard A. Clarke: é um dos maiores especialistas do mundo em segurança, ciberespaço e terrorismo. Ele serviu no governo dos EUA por trinta anos, incluindo como coordenador de contraterrorismo da Casa Branca sob os presidentes Bill Clinton e George W. Bush, e se tornou o primeiro funcionário da Casa Branca encarregado da política de segurança cibernética dos EUA. Ele é autor de oito livros (quatro obras de não ficção e quatro romances), incluindo o best-seller nacional número um: Contra todos os inimigos: Guerra ao Terror por dentro da América.

Robert K. Knake: é membro sênior do Conselho de Relações Exteriores, pesquisador sênior da Northeastern University e consultor de startups, firmas de investimento e empresas Fortune 500. Knake atuou de 2011-15 na Casa Branca de Obama como diretor de política de segurança cibernética no Conselho de Segurança Nacional. Ele é coautor (com Clarke) do best-seller Cyber ​​War, do New York Times.

Os Revisores dessa obra para o português foram:

Antonio Carlos Borge – LinkedIn: http://linkedin.com/in/antonio-carlos-pereira-borge-278958101

• Bruno Salgado – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/brunosalgado/

• Davidson Boccardo – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/drboccardo/

Luciano Lima – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/lucianolimasecurity

• Rafael Soares – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/rafaelsoaresferreira/

Ricardo Salvatore – LinkedIn: http://linkedin.com/in/ricardosalvatore

Tulio Alvarez (Coordenador da equipe de tradução) – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/tscss

• Victor Santos – LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/victor-ssantos/

Conheça outra obra escrita pelo autor Richard Clarke

Esse é outro clássico traduzido pela Clavis. Escrito por Richard Clarke, com o título “CYBER WAR – The next threat to national security and what to do about it”, é o primeiro livro sobre a guerra do futuro – ciberguerra – contendo um argumento convincente de que já podemos estar perdendo esta. Em linhas gerais, o livro trata sobre tecnologia, governo e estratégia militar; sobre criminosos, espiões, soldados, e hackers.

No livro, Richard Clarke apresenta um panorama surpreendente — e, ao mesmo tempo, convincente — no qual o uso de armas cibernéticas é uma questão concreta a ser considerada nas ações de Defesa Nacional. Como se sabe, computadores — e dispositivos computacionais — controlam boa parte das atuais infraestruturas civis e militares, incluindo sistemas críticos para o bem estar da sociedade e sistemas que suportam a adequada condução de ações militares.

Ouça gratuitamente o SegInfocast #21 – Lançamento do livro Guerra Cibernética, realizado pela Clavis.

Conheça outras obras similares

A Clavis sempre investiu em ações para promover a cultura de segurança. Uma de suas iniciativas para atingir o grande público é produção de material bibliográfico em português sobre temas diversos na área de Segurança da Informação. Até o momento, os colaboradores da Clavis Segurança da Informação participaram da produção de 5 livros, sendo dois livros de divulgação e três livros didáticos, e a Clavis patrocinou outras 3 obras. A seguir, apresentamos tais obras. Clique aqui para conferir as informações detalhadas

O livro é uma tradução de Click Here to Kill Everybody – Security and Survival in a Hyper-connected World, escrito por Bruce Schneier. Nele, o autor explora os riscos e as implicações de segurança de uma era hiperconectada e estabelece políticas de senso comum que permite aos leitores usufruir dos benefícios dessa era sem ser vítima das consequências de sua insegurança.

A Clavis Segurança da Informação foi responsável pela tradução da obra para o português (do original Click Here to Kill Everybody – Security and Survival in a Hyper-connected World).

Assista gratuitamente o Webinar #41 – Livro “Clique Aqui Para Matar Todo Mundo: Como sobreviver em um mundo hiperconectado”, realizado pela Clavis.

Ouça gratuitamente o SegInfoCast #71 – Lancamento Livro Bruce Schneieir Clique Aqui Para Matar Todo Mundo, realizado pela Clavis.

O livro é uma tradução do clássico Countdown to Zero Day: Stuxnet and the Launch of the World’s First Digital Weapon, escrito por Kim Zetter. O livro conta a história por trás do planejamento, execução e descoberta do Stuxnet, um malware diferente de qualquer outro vírus ou worm conhecido. Ao invés de simplesmente sequestrar computadores alvo ou roubar informações, o Stuxnet era capaz de transcender do reino digital e causar destruição física em equipamentos controlados por computadores.

A Clavis Segurança da Informação foi responsável pela tradução da obra para o português (do original Countdown to Zero Day: Stuxnet and the Launch of the World’s First Digital Weapon), contando com o apoio do CNPq, da Finep e da FAPERJ.

Assista gratuitamente o Webinar #36 – Lançamento do Livro Contagem Regressiva até Zero Day, realizado pela Clavis.

Ouça gratuitamente o SegInfocast #53 – Lançamento do Livro Contagem Regressiva até Zero Day, realizado pela Clavis.

Escrito por Jule Hintzbergen, Kees Hintzbergen, André Smulders e Hans Baars, o livro é baseado nas normas ISO/IEC 27001:2013 e ISO/IEC 27002:2013 e recomendado para profissionais interessados em se preparar para o exame de certificação EXIN Information Security Foundation based on ISO/IEC 27001, além de ser também uma referência para todos que almejam aprender sobre segurança da informação, já que fornece um entendimento básico sobre os fundamentos de segurança em TI.

Os autores também abordam questões que podem ser úteis para organizações que estejam procurando por uma interpretação clara e resumida das modificações apresentadas na ISO/IEC 27001:2013, e que possam ajudar durante o planejamento de atividades destinadas a alterar seus sistemas de gerenciamento de segurança da informação.

Assista gratuitamente o Webinar #37 – Lançamento do Livro Fundamentos de Segurança da Informação, realizado pela Clavis.

Ouça gratuitamente o SegInfocast #52 – Lançamento do Livro Fundamentos da Segurança da Informação.

Para saber mais sobre como foi o trabalho de tradução e algumas informações sobre detalhes do livro, acesse o post do SegInfocast #77 Tradução do livro The Fifth Domain – O Quinto Domínio – Defendendo nosso país, nossas companhias e nós mesmos na era das ameaças Cibernéticas – Richard A. Clarke & Robert K. Knake ou clique aqui para ouvir o podcast completo e gratuito.