Verificação em duas etapas

criptografiaO processo de provar quem você é (chamado de autenticação) é essencial para proteger suas informações. A autenticação forte tenta garantir que somente você acesse as suas informações, como o seu email, as suas fotos ou suas contas bancárias. Existem três formas diferentes para confirmar quem você é: verificando o que você sabe – como uma senha, o que você tem – como sua carteira de motorista, ou o que é você – como a sua impressão digital. Cada um destes métodos tem suas vantagens e desvantagens. O método mais comum é senha, algo que você sabe.

A verificação em duas etapas é uma solução mais segura do que apenas senhas. Ela funciona através da exigência não de um, mas de dois métodos diferentes para autenticação. Um exemplo é o seu cartão do banco. Quando você retira dinheiro de um caixa eletrônico, na verdade você está usando uma forma de verificação em duas etapas. Para ter acesso ao seu dinheiro você precisa de dois elementos, o seu cartão do banco (algo que você tem) e a sua senha (algo que você sabe). Se você perder o seu cartão do banco seu dinheiro ainda estará seguro. Qualquer pessoa que encontre seu cartão não poderá retirar o seu dinheiro porque não saberá sua senha. O mesmo se aplica se uma pessoa só tem a sua senha mas não o seu cartão. Um invasor precisará de ambos para comprometer sua conta bancária. Isso é o que torna a verificação em duas etapas muito mais segura, pois agora você possui dois níveis de segurança.

A verificação em duas etapas é algo que você configura individualmente para cada uma de suas contas. Felizmente é oferecida por muitos serviços on-line. Um dos líderes na verificação em duas etapas é o Google. As contas do Google são um dos principais alvos para os invasores cibernéticos, pois oferecem uma variedade de serviços on-line gratuitos, para milhões de pessoas ao redor do mundo. Por isso o Google precisou fornecer uma autenticação mais forte e foi uma das primeiras organizações a implantar a verificação em duas etapas. Se você entender como a verificação de duas etapas do Google funciona, entenderá também a de diversos sites, como Twitter, Facebook, Apple, Instagram e muitos bancos.

Vale lembrar, a verificação em duas etapas não é ativada por padrão, você deve habilitá-la. Embora possa parecer mais trabalhosa no início, é altamente recomendado usála sempre que possível, especialmente para serviços essenciais, como a sua conta de email, banco online ou armazenamento de arquivos online. A verificação em duas etapas oferece muito mais proteção às suas informações do que uma simples senha.

Acesse o conteúdo completo através do link.