Ataques DDoS crescem em tamanho e frequência no primeiro semestre de 2016

ddos_new_face

Um relatório apresentado na última semana pela Arbor Networks apontou um aumento, tanto em tamanho quanto em frequência, nos ataques DDoS durante os primeiros seis meses de 2016.

O documento, resultado da observação de uma média de 124 mil eventos por semana nos últimos 18 meses, faz um alerta: ataques maiores do que 100Gbps se tornaram comuns. A empresa de segurança monitorou 274 ataques dessa magnitude no período – dos quais 46 superaram os 200Mbps –  contra 223 monitorados durante todo o ano de 2015.

O maior ataque chegou a 579Gbps – um aumento de 73% em relação ao maior ataque de 2015. A média dos ataques ficou em 986Mbs, número que representa crescimento de 30% em comparação a 2015 – e suficiente para derrubar o site da maioria das empresas.

Entre os países mais visados pelos ataques de mais de 100Gbps estão os EUA, a França e o Reino Unido. Segundo a empresa, a botnet LizardStresser foi utilizada para lançar ataques de 400Gbps mirando sites de jogos em todo o mundo e, no Brasil, instituições financeiras, ISPs e instituições governamentais.

Apesar do crescimento impressionante, a grande maioria dos ataques (80%) continua menor do que 1Gbps. E também duram pouco tempo: 90% deles dura menos de uma hora.

Saiba mais sobre o relatório neste link.