Nova York oferecerá ferramentas gratuitas de segurança para deter agentes maliciosos

NewYork_640x340

Os oficiais da cidade de Nova York afirmaram que serão disponibilizadas ferramentas de segurança gratuitas ao público. Esta ação faz parte de um novo esforço para melhorar a segurança online, dias após o ataque de ransomware que afetou os sistemas municipais de Atlanta.

“O movimento, apelidado de NYC Secure, irá lançar um aplicativo para dispositivos móveis, responsável por alertar os usuários quando alguma atividade suspeita for identificada em seus smartphones“, disse o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, em uma coletiva de imprensa.

“Os nova-iorquinos não estão seguros online. Não podemos esperar outros níveis do governo fazerem alguma coisa, ou o setor privado.”

O movimento gerará um custo de aproximadamente US$5 mi por ano. As agências da cidade também irão melhorar a proteção de redes Wi-Fi públicas até o final do ano, para que os moradores, trabalhadores e visitantes estejam seguros. As redes serão protegidas através da ferramenta chamada Quad9, que está disponível para qualquer pessoa em Nova York e vizinhos, no site quad9.net. A aplicação direciona o tráfego de rede do usuário para servidores que identificam e bloqueiam sites e e-mails maliciosos.

NYC Secure revelou também que os oficiais de Atlanta estão trabalhando juntamente com as autoridades federais e técnicos de empresas privadas de segurança para investigar o ataque sofrido, que criptografou os dados dos computadores das vítimas.

A presidente do Conselho de Atlanta, Felicia Morre, afirmou que está aguardando mais notícias sobre como os agentes maliciosos violaram as redes da cidade, o alcance do ataque e quando os serviços da cidade estarão em total operação novamente.

“Todo mundo quer saber. Eu também quero saber. Mas eu acho que devemos dá-los a oportunidade de ter a informação.”

Atlanta reativou um site que permite que os moradores façam solicitações de retirada de lixo, reportem falta de energia ou solicitem serviços relacionados a obras públicas.