Áreas de petróleo e gás realizam grandes investimentos na segurança em 2019

Texto adaptado de “Setor de óleo e gás eleva gastos com cibersegurança“.

A Accenture, empresa de consultoria de gestão em tecnologia da informação, realizou um levantamento no ano de 2019 a respeito dos gastos realizados em segurança cibernética nas áreas de petróleo e gás. As pesquisas, contando com as respostas de 255 indivíduos em 47 países, apontaram que os investimentos realizados em segurança somaram 61% a mais que as demais tecnologias.

Quando os entrevistados foram perguntados sobre o planejamento das organizações para os investimentos em tecnologia nos próximos anos, apenas 35% cogitaram o setor de proteção de dados. Acredita-se, no entanto, que o baixo índice apresentado é uma consequência do alto capital gasto recentemente para salvaguarda dos ativos a longo prazo.

O diretor administrativo da Accenture, Rich Holsman, comenta sobre a importância da resiliência nesses setores diante das crescentes ameaças. Ele afirma, ainda, que essas medidas não são importantes apenas para proteger a reputação e o custo das operações, mas para mostrar responsabilidade sobre os serviços oferecidos pelas empresas. Os investimentos devem ser realizados cuidadosamente de maneira a não subestimar qualquer exposição a ataques.

Confira a notícia na íntegra aqui.