Nova Certificação CompTIA Cybersecurity Analyst (CSA+) incluirá análise comportamental no currículo

Uma pesquisa da agência responsável por estatísticas sobre trabalho nos EUA (The Bureau of Labor Statics) projeta crescimento de 18% na demanda por profissionais de segurança da informação qualificados até 2024, não só na área de TI, mas em todas as indústrias. Atenta a essa tendência, a CompTIA divulgou recentemente uma nova certificação independente, a CompTIA Cybersecurity Analyst (CSA+), que traz entre os diferenciais o uso de análise comportamental na avaliação de amaças cibernéticas.

Com a CSA+, a empresa pretende “oferecer um amplo espectro de conhecimentos e habilidades necessárias para configurar e usar ferramentas de detecção de ciberameaças, realizar análise de dados e interpretar os resultados para identificar vulnerabilidades e riscos para a organização”.

Para o CEO e presidente da CompTIA, Todd Thibodeux, “é um imperativo economico e social treinar e certificar centenas de milhares de profissionais com as habilidades analíticas necessárias para abordar a complexidade e diversidade de ameaças”.

A certificação se junta a um portfolio de certificações que inclui a CompTIA Security+ (oferecida no Brasil pela Clavis Segurança da Informação)  e a CompTIA Advanced Security Practitioner (CASP) e já recebeu aprovação do ANSI (American National Standards Institute), assegurando sua conformidade com a norma ISO/IEC 17024:2012

Para saber mais sobre a CSA+, clique aqui.